Atenção: Este site utiliza cookies. Ao continuar a navegar no site está a consentir a utilização dos cookies.
Escolha do consumidor Prémio 5 Estrelas

Viver com saúde depois dos 60 anos

29 Janeiro, 2018

Apesar de ainda não existir uma poção mágica que devolva a juventude, o segredo é ter força de vontade, praticar exercício físico, ter uma alimentação equilibrada e uma vida social ativa.

Viver com saúde depois dos 60 anos

Encare o envelhecimento como um processo natural e positivo e faça de cada dia os melhores anos da sua vida.

Assumir o avançar da idade pode ser difícil, já que chega normalmente acompanhada das dores, falta de energia e cansaço físico. Apesar de ainda não existir uma poção mágica que devolva a jovialidade, o segredo é ter força de vontade, praticar exercício físico, ter uma alimentação equilibrada e uma vida social ativa.

Alimentação

A alimentação deve ser rica em fibras e com um elevado valor nutricional. Coma verduras, frutas, legumes e cereais integrais. Dê preferência ao azeite extra virgem e evite as gorduras de origem animal (manteiga ou banha de porco).

 

Faça três refeições diárias (pequeno-almoço, almoço e jantar), em horários semelhantes. Nos intervalos, prefira lanches saudáveis, com alimentos frescos (leites, chás, frutas, pão integral, queijo fresco e frutas).

 

Inclua peixes, ovos e leite em pelo menos uma refeição diária. Os leites e derivados (como o queijo ou os iogurtes) são ricos em cálcio, ajudando no fortalecimento dos ossos. Já os peixes e os ovos são ricos em proteínas e minerais.

 

Fique atento às informações nutricionais dos rótulos e, sempre que possível, escolha uma ou mais refeições para desfrutar da alimentação na companhia de alguém.

Hábitos saudáveis

Introduza rotinas saudáveis no seu quotidiano, como deixar o automóvel em casa e ir às compras a pé, descer dois andares antes do seu e subir pelas escadas e descer do autocarro antes da sua paragem e fazer uma caminhada. Faça-o sempre num ritmo constante, pois fortalece os músculos das pernas, ajudando a evitar as quedas.

 

Se pretende uma atividade física regular deve fazer uma avaliação médica e implementar o exercício de forma gradual, de acordo com o seu estado de saúde.

 

Para uma ajuda complementar para a manutenção de ossos normais, poderá introduzir suplementos alimentares ricos em cálcio e do fósforo, como o Calcitrin Md Rapid, que contribui para o normal formação de colagénio e para funcionamento normal das cartilagens.

Saúde

Dê atenção à diabetes, colesterol, triglicéridos e problemas cardiovasculares, que podem causar enfartes e derrames.

 

Cuidado o excesso de peso. Aumente o consumo de alimentos ricos em fibras, que contribuem para o bom funcionamento do intestino, ajudando a perder peso. Os pães e massas de farinha branca podem ser trocados pelos de farinha integral, mais nutritivos.

Saúde Oral

A saúde oral é importante em todas as idades e especialmente nos seniores, uma vez que diversas doenças surgem pela ausência ou mau estado dos dentes. Os problemas mais comuns são as cáries radiculares (que afetam a raiz dos dentes) e a doença periodontal (doença das gengivas), doenças de fácil prevenção e que contribuem para a grande maioria das extrações dentárias.

 

Visitas regulares ao dentista e uma higienização correta dos dentes e seus tecidos de suporte são essenciais. Recorra a uma escova dentária macia, aliada ao uso de uma pasta e de um elixir com flúor para diminuir a sensibilidade dentária.

Sexualidade

Muita coisa muda no corpo do homem e da mulher depois dos 60 anos. No entanto, cada vez mais especialistas apontam ser desejável ter uma vida sexual ativa e saudável.

 

De um modo geral, o tempo até ser alcançada a excitação e o orgasmo são mais demorados. A terapia de substituição hormonal nas mulheres pode melhorar a resposta sexual e nos homens novos fármacos e suplementos estão disponíveis para tratar a disfunção erétil.

 

Atenção. A toma de medicação específica para o efeito deve ser acompanhada pelo médico de família ou especialista, com conhecimento do histórico de saúde.

Aprender

As universidades para a terceira idade têm um papel cada vez mais importante nos programas de socialização do idoso. Inscreva-se num curso, aprenda um novo idioma, faça teatro ou aprenda a tocar um instrumento musical. Os benefícios em aprender algo novo vão desde a melhoria na qualidade de vida até ao equilíbrio das funções cognitivas, da memória, da concentração e do raciocínio.

 

Para uma ajuda complementar, a Viva Melhor recomenda-lhe VITASOL, um suplemento rico em antioxidantes naturais, que contribui para uma normal função psicológica e ajuda no normal funcionamento do sistema nervoso e imunitário.

Veja também: